Publicado por: fabio sonrisal | 20/01/2011

Rio das Lágrimas

Como detesto enviar e-mail spam e eu queria poder repassar essa mensagem para o máximo de pessoas que puder, então resolvi postá-la aqui.
Recebi esse e-mail hoje:

O Rio das Lágrimas.

Sim, este rio existe, na verdade muitos córregos e rios da cidade são lugares de abandono e de afogamento de filhotes de gatinhos e cachorrinhos.

A protetora Cleonice vive resgatando gatinhos neste rio das Lágrimas.

O gatinho branco e preto, com uma pequena mancha no nariz, estava sendo levado por um menino para ser afogado no rio.

A gata branca e azul, com lindos filhotinhos de olhos azuis intensos também foram deixados naquele rio.

A Cleonice, com aquele grande coração e muito amor pelos animais não aguenta e pega todos eles, mas a situação está muito difícil, com o fechamento da Feira de Adoção do Aquário várias protetoras estão lotadas de animais.

A grande concentração de filhotes e animais nos espaços, acaba fazendo com que as doenças se espalhem rapidamente.

Infelizmente, muitos gatinhos estão doentes, apesar das medicações, tratamentos veterinários, fica muito difícil cuidar de tantos animais ao mesmo tempo.

Não preciso nem falar que além destes filhotes, a Cleonice tem os seus gatos adultos, também cachorrinhos para adoção, muitos cachorros adultos.

A última foto foi tirada minutos depois de me despedir da Cleonice. Encontrei esta caixa com os restos de um filhotinho na região central de São Mateus, muita gente passa diariamente por lá, mas ninguém realmente se importou com a vida deste anjinho. Ao lado da caixa, um potinho de água.

POR FAVOR, PRECISAMOS DE RESGATE/ADOÇÃO/DIVULGAÇÃO/REPASSES.

Contato com a Cleonice no 11 2962-2510.


Anúncios
Publicado por: fabio sonrisal | 21/09/2010

Colunas@Punknet

Eu escrevo uma coluna para o site www.punknet.com.br geralmente sobre assuntos nostalgicos e conflitantes da cena musical alternativa.  Resolvi publicar aqui alguns dos textos antigos que por lá estão.
O texto abaixo foi extraído da coluna “A vida NÃO é bela” escrita por mim mesmo e publicado originalmente em abril de 2009.
Conflito de gerações, o punk velho da teoria.

Olha só, aqui estou para escrever minha primeira coluna para a Punknet. Site que eu conheço e visito desde a época do punk.net, bela época em que achávamos internet a cabo de 128kbps a coisa mais linda do mundo!

Bem, para quem não me conhece me chamo Fábio para a família e no trabalho. Para todo o resto, Sonrisal , aliás, apelido que virou nome. Tenho  29 anos que as vezes se sente com 20 e as vezes com 40. Sou baixista doHateen, mas bandas foi o que não faltou na minha vida, por aí afora tive o Street BulldogsPredialAditive. Sou totalmente online vida web 2.0. Estou em mais redes do que eu realmente consigo dar conta. E foi basicamente o que fiz minha vida toda pelos últimos 15 anos.

Aliás, em 15 anos no mesmo meio você vivencia e vê muitas mudanças. De certa forma eu começo a entender algumas coisas lá de tempos atrás. Eu me lembro de como os “punks velhos” da minha época, começo de 90, detestavam qualquer banda dessas “novas” que eu gostava como NOFX, Pennywise, Millencolin. Eles mal aceitavam o Fugazi !  Diziam que legal mesmo era o Minor Threat e que depois com o Embrace até que era legalzinho.  Aí pensei, poxa eu acho o Simple Plan redéculo. Na maioria dos shows que eu vou de bandas de amigos e tal, eu vejo uns muleques que eu fico com vergonha alheia, saca? Cruzei os pensamentos e pimba: conflito de gerações. Eu virei o “Punk Velho” dessa teoria. Mas são vários os pontos negativos de hoje em dia que eu não consigo não ser o zangão. Eu pelo menos tento ser simpático. Mas não garanto que sou, hehehe.

Fugazi

E é impressão minha ou antigamente as bandas eram melhores?

Boa, essa eu também ouvia do meu avô, do meu pai, dos mesmos “punk velhos” qual me referi anteriormente e hoje eu mesmo penso assim.

Cada um tem as suas razões e motivos. Eu tenho a minha, hoje em dia tudo é tão efêmero, passa tão rápido, é tão fácil montar uma banda, ter acesso a equipamentos, gravar e principalmente acesso para divulgar. Acaba que banalizou. O muleque monta uma banda hoje, grava amanhã e sábado está fazendo show. Com música lixo, tocando mal, ninguém gostando.  Mal monta a banda, mal ensaia, mal adquire a mínima experiência e já sai para tocar. Desculpe, mas meu ouvido não é penico.

Circle Jerks

Mas sabe por que ele toca? Por que ele foi tocar num festival aí com novecentas bandas que começa as seis da manhã e você basicamente paga para tocar, tendo que vender sua cota de ingressos. Que aliás, quanto mais você vende, você toca num melhor horário. Enfim junte tudo isso a uma febre de colégio de bandinhas de rock. E esse é o resultado. E não é por birra, realmente eu não acho uma qualidade mínima nessas bandas. Todas formatadas.
Esta aí o meu motivo para achar um lixo 90% das bandas que existem hoje. E talvez aí esteja de novo mais um conflito de gerações.

A dúvida é: até quando isso dura? Nos tornamos mais flexíveis ? Eu não sei. As vezes sim, as vezes não, mas continuo bronco tentando ser simpático e assim vamos envelhecendo felizes.

Publicado por: fabio sonrisal | 20/09/2010

Renascendo das cinzas

Faz mais de um ano que eu não posto nada aqui nesse blog.  Acho que foi muito twitter e facebook/mafia wars na cabeça, mas de vez em quando bate uma certa necessidade de escrever. Pretendo reativar essa brincadeira aqui e deixar minha opinião chata sobre o cotidiano dessa vida ordinária do rock.

Esse ano parado foram de poucos shows, problemas de banda e problemas e mais problemas. Mas a vida é assim, eu encaro como o começo dos 30 anos, esperamos por mudança ou melhor Screaming for Change!

Baaaaaaaah! Adeus.
Bacio.

||||

Publicado por: fabio sonrisal | 19/06/2009

Bigodes que fizeram história

Imagina só se essas pessoas não tivessem cultivado seus exóticos bigodes.
Em homenagem ao meu grande amigo XIM que está com uma bigodeira incrível! Fred Mercurio Estaile.

bigode

bigode2

bigode3
Esse sem o bigodito realmente fica com cara de “Adolfinho”, hahaha, não impõe respeito nenhum!

Veja mais aqui.

Publicado por: fabio sonrisal | 29/05/2009

Desvaneios Bukowskianos

now

Frequentemente, os melhores momentos da vida são quando a gente não está fazendo nada, só meditando, ruminando. Quer dizer, a gente pensa que todo mundo é sem sentido, aí vê que não pode ser tão sem sentido assim, se a gente percebe que é sem sentido, e essa consciência da falta de sentido já é quase um pouco de sentido. Sabe como é? Um otimismo pessimista.

Charles Bukowski – Pulp

Publicado por: fabio sonrisal | 28/05/2009

Kiss !! Kiss !!! Kiss !!!!

Após a inércia de atividades aqui nesse blog..  estou de volta.  Preciso planejar melhor essa vida internética viu, chegou um momento que simplesmente eu não conseguia mais ter tempo pra postar ou mesmo procurar bobagens web a fora.

Voltei!!
=]

Se liga nos KISS LEGO

kiss-lego-minifigs

Fodasso né?  Dica do brohter Tamarozzi de Bauru SP via msn.
E aqui nesse link tem mais um monte de brinquedos do Kiss.

PS: QUERO TODOS, OK ?
Obrigado.

Bacio!

Publicado por: fabio sonrisal | 04/05/2009

iSnort! Drug Free Junkie

Adoro os aplicativos pra iPhone.
To muito na pegada de adquirir um logo menos.  Esse aplicativo aqui é divertidíssimo, uma forma drug free de ser junkie.
Mas drogas a parte, o melhor desse video é o u-huul do Gordinho no final.

 

Publicado por: fabio sonrisal | 27/04/2009

Síndrome de Pequeno Príncipe

Fotografias 360º x 180º Estereográficas.

Esse tipo de fotografia é uma doidera só que é explicada segundo o conceito no link aqui: http://mathworld.wolfram.com/StereographicProjection.html
Confesso que não entendi bulhufas.

Sei que é uma espécie de fotos em 360º como se você visse TUDO, tudo mesmo.  
O resultado é sensacional:
small-worlds-001g-1

small-worlds-002g

small-worlds-005g

small-worlds-013g

Estas e mais um monte de outras imagens dessas disponíveis aqui nesse link.  
Via Cyber Vida. 

Publicado por: fabio sonrisal | 17/04/2009

Chega de CRISE !

É isso aí, para mascarar o desespero dos executivos e de todo mundo que está aparovado com esse “ano de crise”, desenvolveram esse plugin para FireFox, que toda vez que o navegador identifica a palavra CRISE ele a substitiu por OPORTUNIDADE.  

Do caralho né? Sou adepto do ditado:  “O que o olho não vê, o coração não sente”.  Então é meio que isso, onde tem crise, vamos enxergar oportunidade!

Foi isso que enriqueceu os EUA durante as guerras de meados do século passado.  Eles viram oportunidade de encher o rabo de dinheiro em cima de países em crise e precisando reconstruir.

Faça o download aqui:
http://www.see-the-opportunity.com/

||||

Publicado por: fabio sonrisal | 15/04/2009

Lego J.C.

lego-jesus
Ô falta do que fazer hein? 
Um protestante suéco fez essa escultura do J.C. de 1,80m de altura, usando 30.000 peças de Lego,  40 voluntários em um processo que durou 18 meses. 
Detalhe: A estátua está sim, exposta em uma igreja protestante na Suécia.

Ficou bizarro né? Um J.C. meio frankstein..  

Pena que esse protótipo não vem com super poderes tipo andar na água, multiplicar pães, ou transformar água em vinho.  Podiam desenvolver derepente, uma coisa mais game, pra chegar de fato mais perto do jovem, um poder meio Adonken pra ele. Rs. 

lego-jesus2

via: GearFuse

Older Posts »

Categorias